11/04/2017 - Juros do FNO se mantêm reduzidos no setor não rural

Os empreendedores não-rurais que contam com financiamento do Fundo Constitucional de Financiamento (FNO), operada exclusivamente pelo Banco da Amazônia com as menores taxas das linhas de crédito de fomento da região, continuam com acesso aos juros reduzidos. As taxas ainda menores pelo uso do dinheiro do Fundo possibilitarão a dinamização dos negócios dos empreendedores e o aquecimento da economia. A decisão foi tomada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), por meio da resolução nº 4.561, que reduziu as taxas integrais passando de 9% a 9,5% para 8,55% a 9,05%. O beneficio alcançará quem realizar contratações a partir de 1° de abril até 31 de dezembro de 2017.